top of page

Powerlifting: Guia completo de treino, equipamentos, exercícios, programa, nutrição e competições

Se você está pronto para mergulhar em um mundo de força, determinação e superação, então prepare-se para desvendar os segredos do Powerlifting.


Bem-vindo ao nosso guia completo, onde vamos explorar todos os aspectos desse esporte desafiador e empolgante.


Desde o treinamento até os equipamentos, dos exercícios aos programas de treino, da nutrição às competições, vamos fornecer um mapa detalhado para ajudá-lo a se tornar um verdadeiro mestre do Powerlifting.


O Powerlifting é muito mais do que levantar pesos pesados - é uma filosofia de vida. É a busca constante pela superação pessoal, a arte de dominar a mente e o corpo em perfeita harmonia.


Neste artigo, vamos abrir as portas do universo do Powerlifting e guiá-lo através de cada etapa, desde o primeiro passo até o palco da competição.


Vamos explorar os segredos do treinamento, revelando técnicas avançadas e estratégias para maximizar sua força e explosão muscular.


Você descobrirá quais são os melhores equipamentos para obter um desempenho impecável, desde cintos de levantamento até joelheiras e luvas especiais.


Não esqueceremos dos exercícios fundamentais que compõem o Powerlifting, como o agachamento, o supino e o levantamento terra.


Desvendaremos as nuances de cada movimento, fornecendo dicas valiosas para aperfeiçoar sua técnica e evitar lesões.


Mas o Powerlifting não se resume apenas aos treinos. A nutrição desempenha um papel crucial no desempenho e na recuperação do atleta.


Vamos desvendar os segredos de uma alimentação adequada, fornecendo um plano nutricional específico para potencializar seus resultados e garantir que seu corpo esteja alimentado com os nutrientes essenciais para o crescimento muscular e a energia necessária para enfrentar os desafios.


E, claro, não podemos deixar de lado o mundo das competições de Powerlifting. Vamos levá-lo aos bastidores dos eventos, compartilhando as melhores estratégias de preparação, dicas para lidar com a pressão e orientações para alcançar o melhor desempenho possível.


Então, prepare-se para uma jornada emocionante rumo ao domínio do Powerlifting. Esteja preparado para superar limites, quebrar recordes e se tornar uma força imparável.


Pegue seu cinto de levantamento, aperte as luvas e embarque nessa jornada transformadora. O mundo do Powerlifting está esperando por você.


Vamos começar!


Powerlifting o que é?


(créditos: Miguel Chain Jr)


O powerlifting é um esporte de força que envolve a realização de três exercícios principais: agachamento, supino e levantamento terra. O objetivo do powerlifting é levantar o máximo de peso possível em cada um desses exercícios em competições de levantamento de peso.


Além disso, o powerlifting é uma forma de treinamento físico que pode trazer muitos benefícios para a saúde, como aumento da força muscular, melhora da postura, aumento da densidade óssea e redução do risco de lesões.



O treinamento de powerlifting também pode ajudar na perda de peso, já que os exercícios que envolvem a realização de vários músculos são altamente intensos e podem aumentar o metabolismo do corpo.


Por fim, o powerlifting pode ser uma atividade desafiadora e gratificante para aqueles que buscam superar seus limites e se desafiar física e mentalmente.


Benefícios do treinamento de powerlifting:


O treinamento de powerlifting pode trazer muitos benefícios para a saúde e bem-estar físico e mental, tais como:

  1. Aumento da força muscular: O treinamento de powerlifting é projetado para maximizar a força muscular, e ao longo do tempo, esse treinamento pode levar a ganhos significativos na força.

  2. Melhora da postura: O treinamento de powerlifting pode ajudar a corrigir posturas ruins, já que os exercícios trabalham músculos específicos que são responsáveis por manter uma postura correta.

  3. Redução do risco de lesões: O treinamento de powerlifting pode fortalecer os músculos, tendões e ligamentos, tornando-os mais resistentes a lesões.

  4. Aumento da densidade óssea: O treinamento de powerlifting pode ajudar a aumentar a densidade óssea, o que é especialmente importante para mulheres na menopausa e idosos.

  5. Melhora da composição corporal: O treinamento de powerlifting pode ajudar na perda de gordura e no ganho de massa muscular, o que pode levar a uma melhora na composição corporal.

  6. Melhora da autoestima e confiança: O treinamento de powerlifting pode ajudar a melhorar a autoestima e a confiança, já que o atleta pode ver melhorias no seu desempenho e na aparência física.

  7. Desenvolvimento de disciplina e mentalidade forte: O treinamento de powerlifting exige dedicação e comprometimento, o que pode ajudar a desenvolver disciplina e uma mentalidade forte para alcançar objetivos desafiadores.

Equipamento necessário para o Powerlifting


Powerlifting: Guia completo de treino, equipamentos, exercícios, programa, nutrição e competições

O treinamento de powerlifting requer equipamentos específicos para garantir a segurança e a eficácia dos exercícios. Os equipamentos necessários para o treinamento de powerlifting incluem:


  1. Tênis de levantamento de peso: sapatos especialmente projetados para levantamento de peso, com solas de borracha dura e uma elevação no calcanhar para ajudar a manter uma postura correta durante os exercícios.

  2. Cinto de levantamento de peso: um cinto de couro ou nylon que é usado para apoiar as costas durante os levantamentos pesados, proporcionando uma maior estabilidade e reduzindo o risco de lesões.

  3. Wraps para joelhos: faixas elásticas usadas para fornecer suporte aos joelhos durante o agachamento pesado.

  4. Wraps para punhos: faixas elásticas usadas para fornecer suporte aos punhos durante o levantamento terra e supino.

  5. Mangas de compressão: meias de compressão ou mangas que são usadas para fornecer suporte aos joelhos e manter a temperatura muscular durante o treinamento.

  6. Barras e pesos: barras de aço e pesos que variam de 1,25 kg a 25 kg, usados para os levantamentos de agachamento, supino e levantamento terra.

  7. Bancos de supino: bancos com um suporte de barra que são usados para realizar o exercício de supino.

  8. Rack de agachamento: uma estrutura que é usada para segurar a barra durante o agachamento e para ajudar a realizar exercícios de agachamento mais pesados.

  9. Plataforma de levantamento: uma superfície plana e resistente que é usada para levantar pesos pesados, como os levantamentos de agachamento e levantamento terra.

  10. Cordas de tração: cordas usadas para puxar pesos, como o puxão de peso e o empurrão de trenó, que podem ser usados para aumentar a força e a resistência.


Importância de usar equipamento adequado para evitar lesões:


Usar o equipamento adequado durante o treinamento de powerlifting é essencial para evitar lesões e garantir que os exercícios sejam realizados com segurança e eficácia. A seguir, são apresentados os principais motivos pelos quais é importante usar o equipamento adequado:

  1. Prevenção de lesões: o uso do equipamento adequado pode ajudar a prevenir lesões, fornecendo suporte, estabilidade e proteção aos músculos, tendões e ligamentos.

  2. Melhora da técnica: o equipamento correto pode ajudar a melhorar a técnica dos exercícios, permitindo que o atleta execute os movimentos com mais eficácia e precisão.

  3. Melhora do desempenho: o equipamento correto pode ajudar a melhorar o desempenho do atleta, permitindo que ele levante mais peso e execute mais repetições.

  4. Aumento da confiança: usar o equipamento adequado pode aumentar a confiança do atleta, permitindo que ele se sinta mais seguro e confortável durante o treinamento.

  5. Maior motivação: o uso do equipamento adequado pode motivar o atleta a continuar treinando, já que ele percebe a importância de se dedicar à prática e de buscar sempre melhorar.

Em resumo, o uso do equipamento adequado é fundamental para garantir a segurança e eficácia do treinamento de powerlifting, além de melhorar o desempenho, a confiança e a motivação do atleta.


Os 3 Exercícios principais do powerlifting:


Powerlifting: Guia completo de treino, equipamentos, exercícios, programa, nutrição e competições


Os três principais exercícios do powerlifting são o agachamento, o supino e o levantamento terra. A seguir, são apresentadas descrições detalhadas de cada um desses exercícios:


  1. Agachamento: o agachamento é um exercício que trabalha os músculos da perna, glúteos e lombar. Ele é realizado com uma barra posicionada nas costas, e o atleta deve agachar até que suas coxas fiquem paralelas ao chão e então levantar novamente. A técnica adequada do agachamento envolve manter os pés paralelos e afastados na largura dos ombros, manter as costas retas e apoiar a barra na parte superior das costas. O agachamento pode ser realizado em diferentes variações, como o agachamento com barra dianteira, agachamento com halteres, agachamento com uma perna, entre outros.

  2. Supino: o supino é um exercício que trabalha principalmente os músculos do peito, ombros e tríceps. Ele é realizado com uma barra posicionada sobre o peito do atleta, que deve baixá-la até que ela toque seu peito e então empurrá-la novamente para cima. A técnica adequada do supino envolve manter as costas planas no banco, manter os pés apoiados no chão, manter os cotovelos próximos ao corpo e segurar a barra com as mãos na largura dos ombros. O supino pode ser realizado em diferentes variações, como o supino inclinado, supino declinado, supino com halteres, entre outros.

  3. Levantamento Terra: o levantamento terra é um exercício que trabalha os músculos das pernas, glúteos, lombar e trapézio. Ele é realizado com uma barra posicionada no chão, e o atleta deve agachar até que suas mãos alcancem a barra e então levantá-la para cima, mantendo as costas retas. A técnica adequada do levantamento terra envolve manter as costas retas, manter os pés na largura dos ombros, segurar a barra com as mãos na largura dos ombros e manter os braços retos. O levantamento terra pode ser realizado em diferentes variações, como o levantamento terra sumô, levantamento terra com halteres, entre outros.

É importante ressaltar que a técnica adequada e o uso de equipamentos de segurança são fundamentais para a realização desses exercícios de forma segura e eficaz.


Além disso, é importante que o atleta treine com um instrutor qualificado para garantir que ele esteja realizando os exercícios corretamente e evitando lesões.


Técnicas adequadas para cada exercício de Powerlifting :


(créditos: Canal Miguel Andrini)


Cada exercício do powerlifting possui técnicas específicas que devem ser seguidas para que ele seja realizado com segurança e eficácia. A seguir, são apresentadas algumas das principais técnicas adequadas para cada exercício:


Agachamento:

  • Posicione a barra na parte superior das costas, apoiando-a com as mãos em uma largura um pouco maior do que a largura dos ombros.

  • Mantenha os pés paralelos e afastados na largura dos ombros.

  • Incline o tronco ligeiramente para frente e desça até que suas coxas fiquem paralelas ao chão.

  • Mantenha os joelhos alinhados com os pés e as costas retas.

  • Levante o corpo novamente, estendendo os joelhos e os quadris.

Supino:

  • Posicione-se no banco com as costas retas e os pés apoiados no chão.

  • Segure a barra com as mãos na largura dos ombros.

  • Baixe a barra até que ela toque seu peito.

  • Empurre a barra para cima, estendendo os braços completamente.

  • Mantenha os cotovelos próximos ao corpo e os pés firmemente apoiados no chão.

Levantamento Terra:

  • Posicione a barra no chão na frente dos seus pés.

  • Mantenha os pés na largura dos ombros e agache para segurar a barra com as mãos na largura dos ombros.

  • Mantenha as costas retas e estenda os joelhos e os quadris para levantar a barra do chão.

  • Mantenha os braços retos durante todo o levantamento.

  • Retorne a barra para o chão com os joelhos e quadris dobrados e as costas retas.


É importante lembrar que essas são apenas algumas das principais técnicas adequadas para cada exercício do powerlifting.



É essencial que o atleta treine com um instrutor qualificado para aprender a realizar esses exercícios corretamente e de forma segura.


Além disso, é importante que o atleta comece com pesos mais leves e vá aumentando gradualmente a carga para evitar lesões.


Como os exercícios são avaliados em competições de powerlifting:


Powerlifting: Guia completo de treino, equipamentos, exercícios, programa, nutrição e competições

Os exercícios do powerlifting são avaliados em competições por meio de três juízes, que observam o desempenho do atleta em cada um dos três exercícios: agachamento, supino e levantamento terra.


Cada juiz avalia o desempenho do atleta com base em critérios específicos e atribui uma pontuação.


A pontuação de cada juiz é somada para determinar a pontuação final do atleta em cada exercício e, em seguida, as pontuações dos três exercícios são somadas para determinar a pontuação total do atleta.


No agachamento, os juízes avaliam se o atleta desce até uma profundidade em que as coxas ficam paralelas ao chão, se mantém as costas retas e se os joelhos e pés estão alinhados. Em seguida, os juízes avaliam se o atleta consegue levantar a barra de volta à posição inicial de forma controlada.


No supino, os juízes avaliam se o atleta abaixa a barra até que ela toque seu peito, se mantém as costas retas e se os cotovelos e pés estão alinhados. Em seguida, os juízes avaliam se o atleta consegue empurrar a barra para cima, estendendo completamente os braços.


No levantamento terra, os juízes avaliam se o atleta consegue levantar a barra do chão com as costas retas, estendendo completamente os joelhos e quadris. Em seguida, os juízes avaliam se o atleta consegue abaixar a barra de volta ao chão de forma controlada.


Além disso, os juízes avaliam a técnica e a segurança do movimento, o ritmo e o controle do atleta e sua atitude geral durante o desempenho.


O atleta deve realizar cada exercício dentro de um tempo específico e ter três tentativas para cada um dos exercícios.


O atleta com a maior pontuação total ao final dos três exercícios é declarado o vencedor da competição.


Programa de treinamento para Powerlifting:


(créditos: Canal Felix Perotto)


Seguir um programa de treinamento é essencial para obter resultados efetivos no powerlifting. Sem um plano estruturado, os atletas podem ter dificuldade em progredir em termos de força, técnica e desempenho.


Um programa de treinamento bem elaborado ajudará o atleta a atingir seus objetivos de forma mais eficiente e segura.


Um programa de treinamento adequado deve levar em consideração o nível atual de força e condicionamento físico do atleta, além de seus objetivos a longo prazo.


Ele deve incluir uma variedade de exercícios que trabalhem diferentes grupos musculares e aspectos do desempenho, como força máxima, explosividade e resistência.


Além disso, um programa de treinamento deve ser progressivo e desafiador, aumentando gradualmente a intensidade e o volume ao longo do tempo. Isso ajuda o atleta a superar os platôs de treinamento e evitar lesões.


Seguir um programa de treinamento também ajuda a monitorar o progresso do atleta ao longo do tempo, permitindo que ele faça ajustes e adaptações conforme necessário. Isso pode incluir mudanças na intensidade, no volume ou na seleção de exercícios.



Em resumo, seguir um programa de treinamento adequado é fundamental para obter resultados efetivos no powerlifting. Ele ajuda o atleta a progredir de forma consistente e segura, monitorar seu progresso e alcançar seus objetivos a longo prazo.


Como montar um programa de treinamento de powerlifting adequado para iniciantes e avançados:


Montar um programa de treinamento de powerlifting adequado requer atenção a diversos fatores, como objetivos do atleta, nível de experiência e limitações físicas. A seguir, apresentamos algumas orientações básicas para a elaboração de um programa de treinamento de powerlifting para iniciantes e avançados:


Para iniciantes:

  1. Defina os objetivos do treinamento: o programa deve ser elaborado de acordo com os objetivos do atleta, que podem ser, por exemplo, aumentar a força, melhorar a técnica ou se preparar para uma competição.

  2. Priorize a técnica: para atletas iniciantes, é fundamental focar na execução correta dos exercícios para evitar lesões e desenvolver uma base sólida de força.

  3. Comece com cargas leves: o programa deve começar com cargas leves para que o atleta possa se acostumar com os movimentos e aprimorar a técnica.

  4. Aumente a carga gradativamente: à medida que o atleta progride, a carga deve ser aumentada de forma gradativa, respeitando os limites individuais.

  5. Inclua exercícios complementares: além dos três exercícios principais (agachamento, supino e levantamento terra), é importante incluir exercícios complementares que ajudem a desenvolver força em grupos musculares específicos e aprimorar a técnica.

Para avançados:

  1. Identifique pontos fracos: para atletas avançados, é importante identificar pontos fracos e trabalhar para superá-los. Isso pode envolver o uso de exercícios complementares específicos e técnicas de treinamento avançadas.

  2. Utilize periodização: para maximizar os ganhos de força, é recomendado utilizar técnicas de periodização, que consistem em variações planejadas no volume e intensidade do treinamento ao longo do tempo.

  3. Inclua exercícios específicos para competição: se o atleta estiver se preparando para uma competição, é importante incluir exercícios específicos que simulem as condições de competição.

  4. Tenha cuidado com o excesso de treinamento: atletas avançados tendem a ter um maior risco de lesão devido ao aumento da carga de treinamento e, por isso, é fundamental ter cuidado com o excesso de treinamento e seguir um programa adequado de recuperação.

Em resumo, um programa de treinamento de powerlifting adequado deve ser personalizado de acordo com as necessidades e objetivos individuais do atleta, levando em consideração sua experiência e limitações físicas.


É importante priorizar a técnica, progressão gradual, exercícios complementares e estratégias de periodização para obter resultados efetivos e seguros.


Dicas para progressão de cargas ao longo do tempo:


A progressão de cargas é um elemento fundamental no treinamento de powerlifting, pois é a maneira de desafiar o corpo e promover o aumento da força. A seguir, apresentamos algumas dicas para a progressão de cargas ao longo do tempo:

  1. Aumente a carga gradativamente: a progressão de cargas deve ser feita de forma gradativa e segura, para evitar lesões e permitir que o corpo se adapte às novas cargas. Uma sugestão é aumentar a carga em 2,5% a cada semana.

  2. Varie as intensidades: o treinamento de powerlifting pode incluir diferentes intensidades, como cargas pesadas e cargas leves. Varie as intensidades ao longo do tempo para desafiar o corpo e promover o aumento da força.

  3. Utilize técnicas de sobrecarga progressiva: a sobrecarga progressiva é uma técnica que consiste em aumentar gradualmente a carga de treinamento para desafiar o corpo e promover o aumento da força. Alguns exemplos de técnicas de sobrecarga progressiva são a adição de repetições, a redução do tempo de descanso entre as séries e o uso de exercícios complementares.

  4. Faça o deload: o deload é uma estratégia de recuperação que consiste na redução da carga de treinamento por uma ou duas semanas. Isso ajuda o corpo a se recuperar do estresse do treinamento intenso e a evitar lesões.

  5. Use equipamentos de treinamento adequados: equipamentos adequados, como cintos de levantamento, joelheiras e tênis de levantamento, podem ajudar a proteger o corpo e aumentar a estabilidade durante os exercícios, permitindo que o atleta levante mais peso com segurança.

Em resumo, a progressão de cargas é um elemento importante no treinamento de powerlifting, e deve ser feita de forma segura e gradual.


Varie as intensidades, utilize técnicas de sobrecarga progressiva e faça o deload para evitar lesões e promover o aumento da força.


E não se esqueça de usar equipamentos de treinamento adequados para proteger o corpo e aumentar a estabilidade durante os exercícios.



Competições de powerlifting


As competições de powerlifting seguem um formato padrão em todo o mundo. Aqui está uma explicação de como elas funcionam:


Categorias de peso: Os atletas são divididos em categorias de peso, que variam de acordo com a federação organizadora da competição.


O objetivo é garantir que os atletas compitam em níveis de peso semelhantes, para que a competição seja justa.


Eventos: Há três eventos principais em competições de powerlifting: agachamento, supino e levantamento terra.


Cada evento é realizado em três tentativas, com o objetivo de levantar a maior quantidade possível de peso.


Regras: As regras de competições de powerlifting variam ligeiramente entre as federações, mas geralmente seguem os mesmos princípios.


Durante cada evento, o atleta tem três tentativas para realizar o levantamento, e a tentativa bem-sucedida com o maior peso é registrada como sua pontuação para esse evento.


Na categoria de agachamento, o atleta deve descer até que a parte superior da coxa fique abaixo da linha do joelho e, em seguida, se levantar novamente com o peso.


No supino, o atleta deve descer a barra até que ela toque seu peito e, em seguida, levantá-la novamente até que os braços fiquem totalmente estendidos.


No levantamento terra, o atleta deve levantar a barra do chão até que os quadris e os joelhos estejam totalmente estendidos, segurando-a por um breve momento antes de abaixá-la novamente.



Vencedor: O vencedor da competição é determinado pelo atleta com a maior pontuação combinada entre os três eventos.


Se houver um empate, o atleta com o menor peso corporal ganha. Os atletas também podem ganhar prêmios por eventos individuais.


As competições de powerlifting têm regras e regulamentos rígidos para garantir que a competição seja justa e segura para todos os atletas envolvidos. É importante que os atletas conheçam as regras antes de competir e sigam todas as orientações para garantir a segurança e o sucesso no esporte.

 

Você pode se interessar por: ⤵

 

VII. Conclusão


Neste blog, abordamos os principais pontos sobre o treinamento de powerlifting. Exploramos o que é o powerlifting, seus objetivos e benefícios, equipamentos necessários, técnicas adequadas para os três principais exercícios, a importância de seguir um programa de treinamento adequado, nutrição adequada, recuperação e como as competições de powerlifting funcionam.


Para obter resultados efetivos no powerlifting, é fundamental treinar com frequência, praticar com equipamentos de competição, fazer treinos específicos, seguir uma dieta saudável, descansar adequadamente, conhecer as regras e regulamentos da competição e ter um programa de treinamento adequado.


O powerlifting pode ser um esporte desafiador, mas também pode ser gratificante e emocionante. Com dedicação e esforço, você pode alcançar seus objetivos e ter sucesso no powerlifting. Encorajamos a todos a experimentar o powerlifting e a buscar resultados efetivos.


Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page