top of page

Supino Reto com Barra: Para que Serve e Como Fazer

O supino reto é um dos pilares do treinamento de musculação e um dos exercícios mais emblemáticos quando se trata de desenvolver um peitoral forte e bem definido.


Se você já foi em uma academia com toda certeza já viu alguém fazendo esse exercício.


O artigo que hoje falará sobre o supino reto e como você deve fazer para ter o melhor resultado nesse exercício tão fundamental quando falamos do treino de peito.



SUPINO RETO: UM GUIA BÁSICO SOBRE ESSE EXERCÍCIO DE PEITO

O supino reto é muito mais do que apenas levantar peso. É um exercício composto que trabalha o peitoral, os deltoides anteriores e os tríceps, contribuindo para ganhos significativos de força e hipertrofia muscular.


Além disso, é uma base sólida para diversos outros exercícios de musculação. Independentemente do seu nível de condicionamento físico, desde iniciante até avançado, o supino reto deve ser uma parte essencial de seu regime de treinamento.


Neste artigo, vamos desvendar os segredos do supino reto, desde sua técnica básica até como adaptá-lo aos seus objetivos individuais.


Vamos começar por explorar os benefícios que tornam esse exercício tão importante no mundo da musculação.


Supino Reto e suas Origens:


O supino reto, na forma como é praticado hoje, é uma variação do levantamento de peso, especificamente do exercício de supino.


O supino tem raízes nas competições de levantamento de peso e halterofilismo do século XIX, mas o exercício de supino como conhecemos hoje, realizado em bancadas horizontais, foi formalmente introduzido e popularizado como parte do treinamento de musculação e fisiculturismo durante o século 20.

O fisiculturismo moderno começou a ganhar popularidade nas décadas de 1940 e 1950, com atletas como Eugene Sandow, Steve Reeves e outros.


O supino reto, como parte do treinamento de musculação, tornou-se uma ferramenta essencial para desenvolver o peitoral, deltoides e tríceps.




Acredita-se que o supino reto tenha se tornado um exercício fundamental devido à ênfase no desenvolvimento da parte superior do corpo, especialmente do peito, que é uma área proeminente para muitos fisiculturistas.


O exercício é frequentemente incluído em programas de treinamento para aumentar a força e o tamanho dos músculos peitorais.

Embora o supino reto tenha uma história relativamente curta comparada a alguns outros exercícios de levantamento de peso, tornou-se um pilar nos programas de treinamento de musculação e resistência.


Desde então, evoluiu com diferentes variações para atender às necessidades e preferências individuais dos praticantes de musculação.


Para que Serve o Supino Reto com Barra:


O supino reto com barra é um exercício clássico de musculação que tem como alvo principalmente os músculos do peito, mas também envolve outros grupos musculares. Aqui estão alguns dos propósitos e benefícios do supino reto com barra:

  1. Desenvolvimento do Peitoral Maior: O principal benefício do supino reto é o desenvolvimento do peitoral maior, especialmente a porção esternocostal.

  2. Ativação de Músculos Secundários: Envolvimento dos deltoides (músculos do ombro) e tríceps braquiais, que são músculos secundários trabalhados durante o movimento.

  3. Fortalecimento dos Tríceps: A fase de extensão dos cotovelos no supino reto recruta significativamente os tríceps, contribuindo para o fortalecimento dessa região.

  4. Estabilização dos Ombros: O supino reto exige estabilização dos ombros, o que envolve os músculos estabilizadores ao redor dessa articulação.

  5. Desenvolvimento da Força Geral do Corpo: Por ser um exercício composto, o supino reto exige o uso de vários grupos musculares ao mesmo tempo, promovendo o desenvolvimento global da força.

  6. Variação de Amplitude: A amplitude do movimento pode ser ajustada para focar mais em diferentes partes do peito, como a porção superior ou inferior.

  7. Melhoria da Estabilidade do Core: A manutenção de uma posição estável durante o supino reto requer ativação dos músculos do core, contribuindo para o fortalecimento dessa região.

  8. Aplicabilidade em Programas de Treinamento: O supino reto é frequentemente incluído em programas de treinamento de força e hipertrofia devido à sua eficácia no desenvolvimento do peito e na promoção do aumento da força.


É importante realizar o supino reto com a técnica adequada para maximizar os benefícios e minimizar o risco de lesões.


Como em qualquer programa de exercícios, a consulta a um profissional de educação física pode fornecer orientação personalizada com base em suas metas e condições físicas.

Músculos Trabalhados no Supino Reto Com Barra:


Supino Reto

O supino é um exercício composto que recruta diversos músculos, principalmente na parte superior do corpo. Os principais músculos trabalhados durante o supino incluem:


Peitoral Maior: O peitoral maior, com suas duas porções (esternal e clavicular), é o músculo principal ativado no supino. Ele é responsável por realizar a flexão e a adução do ombro, movimentos essenciais para empurrar o peso para cima.


Deltoides Anteriores: Os deltoides anteriores, localizados na parte frontal dos ombros, auxiliam na elevação dos braços durante o supino, contribuindo para o movimento.


Tríceps: Os tríceps, que compõem a parte posterior dos braços, são recrutados para a extensão do cotovelo durante o empurrão, desempenhando um papel crucial na fase final do movimento.



Serrátil Anterior: O serrátil anterior, localizado nas costelas, ajuda a estabilizar as escápulas durante o movimento, permitindo uma melhor execução do supino.


Bíceps (Músculos Estabilizadores): Embora o supino não seja um exercício direto para os bíceps, esses músculos são envolvidos como estabilizadores durante o movimento, especialmente para controlar a rotação dos antebraços.


Músculos do Core: Os músculos do core, incluindo os abdominais e os músculos lombares, são ativados para manter a estabilidade e controlar o movimento do tronco durante o supino.

Portanto, o supino é um exercício altamente eficaz para desenvolver a parte superior do corpo, com foco principal no peitoral, mas também envolvendo diversos músculos auxiliares para realizar o movimento com segurança e eficiência.

Benefícios do Supino Reto


BENEFÍCIOS DO SUPINO RETO

O supino reto é muito mais do que apenas um exercício de musculação; é um dos pilares do treinamento de força e um caminho direto para um peitoral forte e um tronco bem desenvolvido. Neste segmento, vamos destacar os benefícios desse movimento clássico e essenciais para o desenvolvimento muscular.

O principal benefício do supino reto é seu impacto direto no desenvolvimento do peitoral. Durante o movimento, os músculos peitorais maiores e menores são recrutados de maneira intensa, promovendo o crescimento e a definição do peito.


Além disso, os deltoides anteriores e os tríceps são significativamente envolvidos, fortalecendo o tronco superior e criando uma simetria muscular que é fundamental para a aparência geral do corpo.

O supino reto é um exercício composto, o que significa que envolve múltiplas articulações e grupos musculares ao mesmo tempo.




Isso o torna um exercício altamente eficaz para ganhos de força e hipertrofia. À medida que você levanta pesos significativos durante o supino reto, seu corpo responde com o aumento da massa muscular e força.


Além disso, o envolvimento dos tríceps e dos deltoides anteriores contribui para o desenvolvimento do tronco superior, resultando em uma base sólida para o progresso em outros exercícios.

Além de seus benefícios diretos, o supino reto também é uma base fundamental para outros exercícios de musculação. A força e a estabilidade que você desenvolve ao executar o supino reto se traduzem em melhor desempenho em movimentos como o supino inclinado e declinado, o desenvolvimento de ombros e até mesmo exercícios de levantamento de peso olímpico.


É como um alicerce sólido que suporta toda a sua construção muscular, tornando-o um componente inestimável de qualquer programa de treinamento de força.

Em resumo, o supino reto oferece uma série de benefícios significativos, desde o desenvolvimento do peitoral e do tronco até o estímulo de força e hipertrofia muscular. Além disso, serve como uma base sólida para uma variedade de outros exercícios.


À medida que exploramos mais sobre o supino reto, você descobrirá como a técnica adequada e a progressão inteligente são essenciais para maximizar esses benefícios.

Como fazer o Supino Reto:


Imagem mostrando a execução do Exercício Supino Reto

Dominar a técnica adequada do supino reto é fundamental para obter todos os benefícios deste exercício e evitar lesões. Abaixo, descreverei detalhadamente a técnica básica do supino reto, desde a postura inicial até a respiração adequada e o controle do movimento.

Postura Inicial:

  1. Banco: Deite-se em um banco de supino plano. Certifique-se de que sua cabeça, costas e nádegas estejam em contato firme com o banco.

  2. Pés: Mantenha os pés apoiados no chão, a uma largura aproximada dos ombros. Isso ajudará a estabilizar seu corpo durante o exercício.

  3. Pegada: Posicione-se sob a barra, com as mãos estendidas em linha reta acima dos ombros. A largura da pegada pode variar, mas uma pegada um pouco mais larga que a largura dos ombros é comum. As palmas das mãos devem estar voltadas para a frente.

Amplitude de Movimento:

  1. Descida: Com a barra acima de você, desça-a lentamente em direção ao meio do peito. Mantenha os cotovelos ligeiramente flexionados, não completamente estendidos, e mantenha os ombros pressionados contra o banco. A barra deve tocar suavemente o peito ou chegar muito perto dele, mas não deve ser forçada a tocar.

  2. Elevação: Após a descida controlada, empurre a barra de volta à posição inicial, estendendo completamente os cotovelos. Mantenha o controle do movimento e evite bater a barra no topo.

Alinhamento dos Cotovelos e Equilíbrio:

  • Certifique-se de que os cotovelos estejam alinhados com os ombros durante o movimento. Isso ajuda a evitar tensões excessivas nos ombros e mantém a eficácia do exercício.

  • Mantenha a barra equilibrada sobre o peito. Isso significa que a barra deve descer e subir em linha reta, sem inclinar-se para frente ou para trás. O controle da barra é fundamental para a segurança e eficácia do supino reto.

Respiração Adequada e Controle:

  • Inspire profundamente enquanto abaixa a barra em direção ao peito. Isso ajuda a estabilizar o núcleo e fornecer suporte.

  • Expire enquanto empurra a barra de volta à posição inicial. Manter a respiração adequada ajuda a manter a estabilidade e o controle do movimento.

  • Mantenha o controle do peso em todos os momentos. Evite pressionar a barra rapidamente ou usar impulso excessivo. O supino reto é um exercício que requer controle e precisão.

Seguir essas orientações de técnica garantirá que você aproveite ao máximo o supino reto, minimizando o risco de lesões e obtendo resultados eficazes. Certifique-se de praticar com cargas leves no início para aprimorar sua técnica e, à medida que se sente mais confortável, progrida para pesos mais pesados com segurança.

Exercícios que podem Substituir o Supino Reto


O supino reto é um exercício poderoso, mas também é versátil, permitindo variações que podem ser incorporadas ao treinamento para atingir diferentes músculos e objetivos. Vamos explorar duas variações populares do supino reto: o supino inclinado e o supino declinado.

Supino Inclinado:

Imagem mostrando a execução do Exercício Supino inclinado

O supino inclinado é uma variação do supino reto em que o banco é ajustado para uma inclinação de cerca de 30 a 45 graus.


Essa inclinação altera a ênfase muscular em comparação com o supino reto.

Ativação Muscular: O supino inclinado coloca mais ênfase nos músculos superiores do peitoral e nos deltoides anteriores.


Ele também recruta mais os músculos do tríceps. Isso o torna uma excelente opção para desenvolver a parte superior do peito e os ombros.


Incorporação no Treinamento: O supino inclinado pode ser usado como um complemento ao supino reto. Por exemplo, você pode alternar entre os dois exercícios em sessões diferentes para garantir um desenvolvimento equilibrado do peitoral e dos ombros.


Objetivos Individuais: Se você deseja melhorar a definição da parte superior do peito e desenvolver ombros mais amplos, o supino inclinado pode ser uma excelente escolha.



Supino Declinado:

Imagem mostrando a execução do Exercício Supino Declinado

O supino declinado envolve ajustar o banco em uma inclinação descendente de cerca de 30 graus.


Isso muda a ênfase muscular em relação ao supino reto e inclinado.

Ativação Muscular: O supino declinado foca mais nos músculos inferiores do peitoral, nos músculos do tronco e na parte superior dos músculos abdominais.


Ele também envolve os deltoides anteriores e os tríceps.


Incorporação no Treinamento: O supino declinado é uma opção valiosa para fortalecer a parte inferior do peito.


Pode ser usado como um exercício complementar ao supino reto e inclinado para um treinamento mais completo do peitoral.


Objetivos Individuais: Se você deseja desenvolver uma parte inferior do peito mais forte e definida, o supino declinado pode ser uma escolha ideal. Além disso, é uma ótima maneira de fortalecer os músculos do tronco e melhorar a estabilidade.

Escolhendo a Melhor Variação com Base nos Objetivos:

A escolha entre o supino reto, inclinado e declinado dependerá de seus objetivos pessoais. Aqui estão algumas diretrizes gerais:

  • Supino Reto: É um exercício fundamental para desenvolver o peitoral e a força geral. É ideal para construir uma base sólida de força.

  • Supino Inclinado: É excelente para enfatizar a parte superior do peito e os deltoides anteriores. Use-o se desejar o desenvolvimento dessa área.

  • Supino Declinado: Concentra-se na parte inferior do peitoral e nos músculos do tronco. É uma ótima opção para quem deseja fortalecer a parte inferior do peito e a região abdominal.

A melhor abordagem é incorporar todas as variações em seu programa de treinamento para garantir um desenvolvimento equilibrado e abrangente do peitoral. Alterne entre essas variações ao longo do tempo para colher os benefícios de todas elas.


Diferenças entre Supino Reto e inclinado:


O supino reto e o supino inclinado são variações do exercício de supino que diferem principalmente na inclinação do banco e no foco dos músculos trabalhados. Aqui estão as principais diferenças entre eles:

Orientação do Banco:

  • Supino Reto: No supino reto, o banco é posicionado horizontalmente, de forma que as costas e o tronco estejam em contato direto com o banco.

  • Supino Inclinado: No supino inclinado, o banco é ajustado em um ângulo inclinado de cerca de 30 a 45 graus. Isso faz com que a parte superior do corpo fique em uma posição mais elevada do que a parte inferior.


Foco Muscular:

  • Supino Reto: O supino reto concentra-se principalmente no desenvolvimento do peitoral maior (parte central do peito).

  • Supino Inclinado: O supino inclinado coloca mais ênfase na porção superior do peitoral e nos deltoides anteriores (parte frontal dos ombros). Isso pode ajudar a criar uma definição maior na parte superior do peito.


Ativação Muscular:

  • Supino Reto: O supino reto recruta mais o peitoral e, em menor grau, os deltoides e os tríceps.

  • Supino Inclinado: O supino inclinado ativa mais os deltoides anteriores e a parte superior do peitoral, com um envolvimento ligeiramente reduzido do tríceps.


Amplitude de Movimento:

  • Supino Reto: Na variante reto, o movimento é mais direto, envolvendo uma amplitude de movimento mais curta no que diz respeito à extensão dos ombros.

  • Supino Inclinado: O supino inclinado exige uma maior extensão dos ombros, aumentando a amplitude de movimento na parte superior do peito.


Variedade de Treinamento:

  • Supino Reto: O supino reto é uma escolha comum para desenvolver o peitoral de maneira mais equilibrada.

  • Supino Inclinado: O supino inclinado é usado para enfatizar a parte superior do peitoral e pode ser alternado com o supino reto para adicionar variedade ao treinamento.


Ambas as variações são eficazes para o desenvolvimento do peitoral e dos ombros, e a escolha entre elas dependerá dos objetivos específicos de treinamento e da ênfase desejada nos músculos. Integrar ambas as variações em seu programa de treinamento pode ser benéfico para obter resultados mais completos.

Diferença entre Supino Reto com barra e com halteres:

O supino reto com barra e o supino reto com halteres são variações do mesmo movimento básico, mas apresentam algumas diferenças notáveis. Aqui estão as principais distinções entre essas duas formas de realizar o exercício:

Supino Reto com Barra:

  1. Movimento Sincronizado: No supino reto com barra, ambos os braços se movem de maneira sincronizada, já que estão conectados à mesma barra.

  2. Estabilidade da Barra: A barra fornece uma estabilidade adicional, pois os dois lados estão conectados. Isso pode ser benéfico para iniciantes que estão desenvolvendo força e coordenação.

  3. Carga Total: A carga total do exercício é determinada pelo peso colocado na barra. Isso pode facilitar o controle da progressão de carga.

  4. Envolvimento de Músculos Estabilizadores: O supino com barra geralmente envolve menos ativação dos músculos estabilizadores, como os do core, em comparação com o supino com halteres.




Supino Reto com Halteres:

  1. Movimentos Independentes: Cada braço move-se independentemente no supino com halteres, o que requer maior estabilização e coordenação entre os lados direito e esquerdo.

  2. Maior Ativação dos Estabilizadores: O supino com halteres ativa mais os músculos estabilizadores, pois cada lado precisa trabalhar para equilibrar o peso de forma independente.

  3. Variação de Amplitude: Os halteres permitem uma maior variação na amplitude do movimento, permitindo que os praticantes atinjam uma amplitude mais ampla no movimento.

  4. Adaptação ao Corpo: Pode ser mais adaptável à anatomia e aos padrões de movimento individuais, pois cada braço pode seguir seu próprio caminho.

  5. Menor Risco de Descompensação: Pode reduzir o risco de descompensação muscular, uma vez que cada lado é responsável por seu próprio peso.

  6. Maior Envolvimento dos Músculos Estabilizadores do Ombro: Aumenta o envolvimento dos músculos estabilizadores do ombro devido à necessidade de controlar e estabilizar os halteres independentemente.


A escolha entre o supino reto com barra e o supino reto com halteres pode depender das preferências individuais, objetivos de treinamento e condições físicas.


Ambas as variações são eficazes para o desenvolvimento dos músculos do peito, mas podem oferecer diferentes estímulos ao corpo.


Como sempre, é recomendável consultar um profissional de educação física para orientação específica com base em suas necessidades e objetivos.


Barra ideal para supino:


A escolha da barra ideal para o supino pode depender de vários fatores, incluindo suas preferências pessoais, objetivos de treinamento e disponibilidade de equipamentos. Aqui estão alguns tipos comuns de barras utilizadas para o supino:

1. Barra Reta (Barra Olímpica):

  • Padrão Olímpico: A barra reta olímpica é a opção mais comum. Ela tem uma carga padrão de 20 kg para homens e 15 kg para mulheres, com uma capacidade de carga considerável. Possui marcas de aderência que ajudam a manter a simetria durante o exercício.

2. Barra EZ (Barra W):

  • Curvatura Ergonômica: A barra EZ é uma alternativa que possui uma curvatura ergonômica, o que pode reduzir a pressão nos pulsos e antebraços. É frequentemente usada por pessoas que têm desconforto ao usar a barra reta.

3. Barras de Hexágono:

  • Estabilidade Aumentada: Barras hexagonais, também conhecidas como barras trapézio, têm uma forma hexagonal e pegadas paralelas. Elas podem oferecer maior estabilidade, especialmente para aqueles que têm problemas de equilíbrio ou lesões.

4. Barra de Máquina Smith:

  • Guiada: A barra de máquina Smith é guiada em um trilho vertical. Embora ela ofereça uma opção para o supino, alguns argumentam que a falta de liberdade de movimento pode limitar o envolvimento dos músculos estabilizadores.

5. Barra de Landmine:

  • Versatilidade: A barra de Landmine é inserida em um suporte, proporcionando uma opção versátil para diversos exercícios, incluindo variações de supino.

6. Barras Específicas para Powerlifting:

  • Variedades Específicas: Em competições de powerlifting, os atletas frequentemente usam barras específicas, como a barra de powerlifting com maior rigidez e menos "whip" (flexibilidade).

Dicas para Escolher a Barra Ideal:

  • Conforto e Lesões: Se você tiver desconforto ou lesões específicas, pode ser útil experimentar diferentes tipos de barras para encontrar aquela que seja mais confortável para você.

  • Objetivos e Nível de Experiência: O tipo de barra escolhido pode variar com base em seus objetivos de treinamento (levantamento de peso olímpico, powerlifting, etc.) e nível de experiência.

  • Disponibilidade de Equipamentos: Em algumas academias, você pode ter acesso a uma variedade de barras, enquanto em outras, pode haver uma escolha limitada.

Lembre-se sempre de consultar um profissional de educação física para orientação específica com base em suas necessidades individuais e objetivos de treinamento.


Programa de Treinamento com Supino Reto


Imagem mostrando a execução do Exercício Supino Reto

Um programa de treinamento eficaz com o supino reto pode ajudar a desenvolver um peitoral forte e equilibrado, além de melhorar a força geral do tronco. Aqui estão exemplos de rotinas de treino para iniciantes, intermediários e avançados, adaptando a intensidade de acordo com o nível de condicionamento físico.

Iniciantes:

Nota: Antes de começar qualquer programa de treinamento, faça um aquecimento adequado que pode incluir cardio leve e alongamento dinâmico.

  • Semana 1-2:

    • Supino Reto: 3 séries de 10 repetições com um peso leve a moderado. Descanse 1-2 minutos entre as séries.

    • Legenda: 2 séries de 12-15 repetições com halteres leves. Descanse 1 minuto entre as séries.


  • Semana 3-4:

    • Supino Reto: 4 séries de 8 repetições com um peso moderado. Descanse 1-2 minutos entre as séries.

    • Leg Press: 3 séries de 10-12 repetições. Descanse 1 minuto entre as séries.


Intermediários:

  • Semana 1-2:

    • Supino Reto: 4 séries de 8 repetições com um peso moderado a pesado. Descanse 1-2 minutos entre as séries.

    • Supino Inclinado: 3 séries de 10 repetições. Descanse 1-2 minutos entre as séries.

    • Pull-Ups: 3 séries de 6-8 repetições. Descanse 1 minuto entre as séries.


  • Semana 3-4:

    • Supino Reto: 4 séries de 6 repetições com um peso pesado. Descanse 2-3 minutos entre as séries.

    • Supino Declinado: 3 séries de 8 repetições. Descanse 1-2 minutos entre as séries.

    • Dips: 3 séries de 8-10 repetições. Descanse 1-2 minutos entre as séries.


Avançados:

  • Semana 1-2:

    • Supino Reto: 5 séries de 6 repetições com um peso pesado. Descanse 2-3 minutos entre as séries.

    • Supino Inclinado: 4 séries de 6 repetições. Descanse 2-3 minutos entre as séries.

    • Pull-Ups com Peso: 4 séries de 6-8 repetições. Descanse 2 minutos entre as séries.


  • Semana 3-4:

    • Supino Reto: 5 séries de 5 repetições com um peso pesado. Descanse 3-4 minutos entre as séries.

    • Supino Declinado: 4 séries de 6 repetições. Descanse 2-3 minutos entre as séries.

    • Dips com Peso: 4 séries de 6-8 repetições. Descanse 2-3 minutos entre as séries.


Integração no Programa de Treinamento Completo:

Para equilibrar o desenvolvimento muscular, é importante integrar o supino reto em um programa de treinamento completo. Isso pode incluir exercícios para outros grupos musculares, como costas, ombros e pernas.


Certifique-se de incluir exercícios de treinamento de força para todo o corpo e variar os exercícios ao longo do tempo para evitar o platô e manter o progresso constante. Lembre-se de que a progressão é fundamental.


À medida que você avança, aumente o peso de forma gradual e mantenha um registro de seus treinos para acompanhar o progresso. Consultar um instrutor de fitness ou um treinador pessoal pode ser benéfico para ajustar seu programa de acordo com seus objetivos individuais e nível de condicionamento físico.


 

Artigos Relacionados:⤵

 

Conclusão:


Neste artigo, exploramos em detalhes o supino reto, um exercício fundamental no treinamento de musculação. Durante nossa jornada, destacamos sua importância, benefícios, técnica adequada e variações. Agora, é hora de resumir os principais pontos e incentivar você a incorporar o supino reto em seu programa de treinamento.


O supino reto é muito mais do que um simples levantamento de peso; é um exercício que oferece uma série de benefícios significativos. Ele desempenha um papel essencial no desenvolvimento do peitoral, dos deltoides anteriores e dos tríceps, promovendo ganhos notáveis de força e hipertrofia muscular.


Além disso, o supino reto é a base para uma variedade de outros exercícios, tornando-se uma escolha inestimável em qualquer programa de treinamento de força.


Portanto, encorajamos veementemente todos os leitores a incorporarem o supino reto em seus programas de treinamento. Se você é iniciante, intermediário ou avançado, o supino reto pode ser adaptado para atender às suas necessidades e objetivos individuais.


Lembre-se de que a chave para o sucesso é a prática regular, a aprimoração constante da técnica e o acompanhamento do progresso. Mantenha registros de treino para rastrear seu desenvolvimento e, se possível, consulte um instrutor qualificado para orientação adicional.


Ao fazer do supino reto uma parte central de seu regime de treinamento, você está investindo não apenas em um peitoral forte e definido, mas também em uma base sólida para uma vida de condicionamento físico saudável e duradouro. Portanto, vá em frente, levante essa barra e colha os benefícios do supino reto!

 

Ok se você chegou aqui é porque está querendo melhorar o seu físico certo? Aumentar um pouco a massa muscular, aumentar a definição dos músculos e ter um desenvolvimento melhor do seu corpo. você quer atingir um novo nível certo? Afinal, quem não quer ficar com um corpo sarado e receber elogios não é mesmo? Claro, musculação é saúde, mas também é vaidade, por que não?


Afinal, passamos horas na academia e fazemos dieta e descanso adequados, queremos receber elogios sim. Agora sabe porque você não tem resultados expressivos na academia? Sabe por que você não consegue passar esse platô de ganhos? Mesmo você sendo umapessoa que treina a 4 ou 5 anos ? Porque, desculpe lhe informar, VOCÊ NÃO SABE TREINAR. É duro ler isso ? É. Mas alguém tem que dizer isso para você meu consagrado. VocÊ passa horas vendo vídeos de musculação pelo youtube. Vai em todos os canais, quer ver técnicas do fisiculturista A, B , C, fica horas procurando técnicas mirabolantes e comentando nos vídeos do pessoal maromba e no final das contas não sai do mesmo lugar.


Agora, se você faz isso tudo, você COM CERTEZA conhece o mestre Fernando Sardinha , certo? Então meu amigo, comece a fazer o treino evolution dele. Essa é a resposta que você tem para você mudar o patamar desse seu shape. Simples assim.


Digo isso porque, de longe, o Fernando é um cara com conhecimento diferenciado e respeitado por todos os lugares da musculação. Você sabe disso, vê dezenas de vídeos dele pela internet e diversos outros profissionais falando sobre como ele tem um conhecimento fenomenal para passar. Só jogar no youtube para ver isso.


Agora por que não ter acesso a essa biblioteca de conhecimento do Fernando todos os dias, no conforto do seu lar, fazendo você poupar horas da sua vida vendo videozinho aqui , videozinho ali.


Supino Reto

Pode parecer papo de vendedor. e de certo ponto tem muito disso mesmo, mas, sendo sincero, só recomendo o que é bom. Vender furada, muita gente vende, agora um material desse aqui, com a didática do Sardinha, não é gasto é um INVESTIMENTO que você faz em você e na sua saúde.


E assim meu consagrado, sei que a grana é curta e a maioria das vezes ninguém quer pagar por nada online e quer tudo de graça " a eu acho tudo isso de graça na internet, vendo vídeos do youtube " e sendo sincero, pode até ser que você encontre isso na internet mesmo.


Porém , tudo desorganizado, sem pé nem cabeça, sem começo, meio e fim, sem os detalhes que ele passa, sem a dedicação que ele coloca no trabalho. Meu amigo, quando falo de dedicação , é dedicação mesmo, quem conhece o Sardinha sabe o quanto ele é comprometido com o trabalho, com a musculação e o que ele entrega nesse método, realmente você não encontra muita gente entregando. Sem contar o valor que você paga, que é absolutamente ridículo de barato.


Basicamente você paga 50 reais para ter acesos a plataforma completo de conteúdo exclusivo feito pelo Sardinha.


Fazendo uns cálculos básicos, você paga 1,60 por dia para ter acesso a tudo isso. Meu nobre, não tem desculpa nem de não ter dinheiro, isso é menos que uma passagem de ônibus hoje em dia, por um material ÚNICO nesse mercado maromba.


A mas eu acho que não vou ter resultado porque isso não é para mim, etc. Bom, clica aqui e olha a tonelada de vídeos do que o pessoal fala sobre o método, sobre como tiveram resultados.


Vai ter o Paulo Muzy, Graciane Barbosa, Leo stronda, Renato Cariani, Julio Balestrin e mais um monte de gente falando sobre método. Você acha que esse pessoal ia se expor dessa forma se o sistema fosse ruim? Fala sério né meu amigo.

Aaaa e detalhe, você ainda tem 7 dias para usar a plataforma inteira. Se não gostar é só pedir o dinheiro de volta para a equipe do Sardinha que você tem o seu dinheiro de volta. Mas garanto para você que você vai achar é barato tudo isso que ele entrega.


E ainda tem mais, você vai ter acesso a mais de 5 bônus exclusivos que o Sardinha vai entregar para você. Enfim , pode ter sido um jaba, mas vou deixar você dar uma olhada melhor no site dele e ai você tira sua próprias conclusões. É melhor mostrar do que falar. Clique aqui para ver toda a plataforma do Fernando Sardinha.


Supino Reto


 


Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page